Eco$ Friday: um novo conceito para o maior festival varejista do país!

Você já parou para pensar de onde surgiu o termo “Black Friday”? Em tempos onde os movimentos de igualdade racial ganham força, nada mais justo do que questionarmos o nosso vocabulário e principalmente, repensar os termos de cunho racista que a sociedade naturalizou ao decorrer dos anos.

Não existem dados científicos que comprovem uma não relação do termo “Black Friday” com as questões da escravatura, nem tão pouco uma afirmação de que há uma conotação racista no termo. Entretanto, respeitamos os movimentos que se sentem desconfortáveis com a utilização do termo.

O que quer dizer “Black Friday”?



Nos Estados Unidos, onde o termo se popularizou, a expressão remete ao dia seguinte do feriado de Ação de Graças (última quinta-feira de novembro). Assim, a Black Friday marca o retorno do comércio após a folga. Além disso, a expressão “to be in black” refere-se ao nosso conhecido termo “sair do vermelho” ou até mesmo “ficar no azul”.

Porém, aqui no Brasil o termo perde o contexto instaurado no comércio americano. Uma vez que o racismo reverbera na comunicação verbal da população ao utilizar as palavras “preto” e “negro” para desqualificar algo. Sendo assim, quando citamos a Black Friday, denominamos de “preto” o dia em que o mercado vende seus produtos a um preço inferior.


Conheça o novo conceito da Fubbá



Desta forma, a Fubbá Objetos se posicionou a favor da luta contra o preconceito racial e eliminou o termo Black Friday dos nossos valores. Mas isso não quer dizer que ficamos de fora das promoções do maior festival do mercado varejista. Pelo contrário, resolvemos criar a
Eco$ Friday, um novo conceito sustentável para a data mais marcante do comércio.

Chamado de Eco$, o nosso festival além de ecológico e sustentável, representa os ecos que são a reverberação do som que leva um tempo até voltar a você, depois de emitido. Sendo assim, queremos propor um eco$sistema virtuoso aos nossos clientes.Uma vez que os nossos móveis geram bem-estar para os consumidores e ainda ajudam a natureza.

Quer saber como o seu móvel pode contribuir para a construção de um mundo mais sustentável? A gente explica!

Para consolidar o nosso papel em ações sustentáveis ligadas ao meio ambiente e a economia circular, indo muito além da curadoria de produtos e materiais ecologicamente corretos, 5% de todo o nosso faturamento durante a Eco$ Friday será destinado ao replantio de árvores na Amazônia.


Mas por que investir no reflorestamento?



Infelizmente, o desmatamento de florestas é uma realidade vigorosa em todo o território brasileiro. Os danos causados por essa prática são irreversíveis para a natureza e consequentemente, para toda a sociedade. Má qualidade do ar, decomposição do solo, alteração dos lençóis freáticos. As consequências do desmatamento são gravíssimas!


Por isso, o reflorestamento das áreas desmatadas se torna imensamente necessário para a preservação da natureza e manutenção da qualidade de vida humana. Confira a seguir alguns dos principais benefícios resultantes a partir da prática do reflorestamento:

- Melhora a qualidade do ar;


- Diminuição de poluição sonora;

- Aumenta a biodiversidade;

- Equilíbrio natural no conforto térmico;

- Redução da erosão;

- Recuperação de áreas degradadas;

- Melhora a vazão de mananciais hídricos;

- Diminui a pressão em florestas nativas.


A campanha da Fubbá será realizada durante todo o mês de novembro. Aproveite para decorar o seu ambiente e contribuir para um mundo melhor. A Mãe Natureza agradece! 


Curtiu? Confira agora todos os descontos imperdíveis da Eco$ Friday, o maior festival de ofertas da Fubbá Objetos!